29/04/2019 às 16h25min - Atualizada em 29/04/2019 às 16h25min

Programa A Voz de Campos trás debate sobre como funciona a segurança pública municipal

Durante participação, o Superintendente de Paz e Defesa Social, Darcileu Amaral, explicou os projetos do CISP e Campos + Segura

Redação
Jornal Aurora
A Rádio Aurora apresenta todas as segundas-feiras no programa A Voz de Campos temas voltados para a segurança pública.  Apresentado pelo jornalista Germando Santos, o programa de segunda-feira (29), teve como debate  a funcionalidade da segurança pública municipal e estiveram presentes o Superintendente de Paz e Defesa Social, Darcileu Amaral, e os comentaristas, o policial federal, Roberto Uchôa e Wagner Azevedo.

Durante a entrevista, o superintendente de Paz e Defesa Social, Darcileu Amaral, explicou que
 as estratégias de segurança pública só funcionam se existir uma parceria entre os órgãos de segurança municipal.  Ainda segundo Darcileu, no Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), são coletados dados com as Polícias Civil, Militar e Federal para que a central possa estar monitorando os locais de maior incidência de crime.

“A Guarda Municipal, a Postura e a Defesa Civil são órgãos independentes, porém, o planejamento de todas as ações é definido em conjunto com a Superintendência de Paz e Defesa Social. Também há parceria com a Polícia Civil, onde através do canil da guarda municipal a superintendência realiza diversas ações em Campos e região”, explicou. 

De acordo com Darcileu, o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) surgiu da ideia de unir todos os órgãos de segurança, dentro de um só lugar, minimizando os problemas e maximizando o atendimento à população. Inaugurado no dia 14 de março, o projeto conta com 90 câmeras de tecnologia avançada em todo município. Ainda segundo o superintendente, o projeto está em fase de licitação para ampliar o número de câmeras nos distritos. Alguns lugares como Tocos, Ururaí e Goytacazes foram citados durante a entrevista.

Através de comentários na live no Facebook da Rádio, telespectadores demonstraram interesse no tema e sugeriram monitoramento de câmeras de segurança perto das agências bancárias, no distrito de Goytacazes. 

O Cisp funciona na sede da superintendência de Paz e Defesa Social, nos altos da Rodoviária Roberto Silveira, no Centro e é fiscalizado por oito funcionários, incluindo Guarda Civil Municipal (GCM), agentes do  Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT) e Polícia Militar durante 24 horas. 

Para ter acesso

Muitas pessoas possuem dúvidas na disponibilidade do acesso às câmeras de segurança em caso de roubo, furto e acidente. E, de acordo com Darcileu Amaral, o solicitante deve registrar boletim de ocorrência na Delegacia e levar a solicitação na sede do Cisp. Após essas ações, a central disponibiliza as imagens para a polícia ou Ministério Público. 

Ainda segundo Amaral, quem possui câmera de segurança externa instalada na fachada de residências ou comércio pode, através do Projeto Campos + Segura, integrar seu equipamento à rede de videomonitoramento da Prefeitura de Campos. O projeto faz parte de um dos eixos do Plano Municipal de Segurança Pública e tem o objetivo de prevenir, detectar e reagir a situações emergenciais e na preservação do espaço público.

Para realizar o cadastramento de câmeras de segurança, ou realizar denúncias, os interessados podem acessar o site maissegura.campos.rj.gov.br ou entrar em contato pelo telefone (22) 981750779. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalaurora.com.br/.
Jornal Aurora Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp