22/02/2022 às 14h37min - Atualizada em 22/02/2022 às 14h37min

​Governo Federal confirma fase final do projeto para a construção da Estrada do Contorno, em Itaperuna

Jornal Aurora - Redação
Bianca Marques
Foto: Divulgação
O Ministério da Infraestrutura (MInfra), por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), informou que o termo de referência e edital para contratação de empresa especializada na elaboração dos projetos básico e executivo da estrada do Contorno, em Itaperuna, no Noroeste Fluminense, está na fase final de elaboração. Segundo o MInfra, os recursos para essa etapa estão previstos na Lei Orçamentária Anual de 2022 (LOA 2022).
 
De acordo com a Prefeitura de Itaperuna, a Estrada do Contorno tem o objetivo de diminuir o tráfego de caminhões e carretas pesadas no centro da cidade, que é o trecho urbano da BR 356, com o desvio nas proximidades do Mercado do Produtor, saindo nas proximidades do Cemitério Vale das Orquídeas. 
Principalmente em dias de chuvas fortes ou épocas de  inundações, o trânsito na área central fica ainda mais prejudicado com congestionamentos de veículos e danificações no asfalto de toda via, recuperado recentemente pelo DNIT, através de uma obra que durou três anos e custou 36 milhões de reais.
 
A Estrada do Contorno já é um assunto bem batido entre os governos municipal e federal. Recentemente, o secretário de Governo do município, Murillo Gouvêa, esteve em Brasília e cobrou, novamente, o início da obra, que está prevista após a finalização do contrato para a elaboração dos projetos - básico e executivo, que tem a duração de aproximadamente 270 dias. Segundo o Minfra, ainda não há estimativa de custo para a implantação da obra, pois depende da solução de engenharia proposta no projeto executivo, porém, essa estimativa, segundo a Prefeitura, pode chegar a um investimento de R$240 milhões.
 
“Tenho ido à Brasília em busca de recursos para Itaperuna e também nossa região Noroeste e uma pauta que nunca deixo de levar é a construção da estrada do Contorno. Estive novamente com o deputado federal, Hugo Leal, que foi o relator do orçamento da União de 2022, e cobrei para que esse projeto saia logo do papel. Ele confirmou que a obra está no planejamento deste ano, como havia prometido no ano passado, quando esteve aqui para a inauguração da obra do DNIT. Vamos ficar em cima e não vou descansar até ver, de fato, as máquinas trabalhando no local”, disse Murillo, que esteve no Distrito Federal, neste mês. No encontro, também estava presente o diretor geral do DNIT, Antônio Leite Santos Filho.  
 
Itaperuna é a maior cidade do Noroeste do Estado e representa um grande avanço no setor de serviços - com o crescimento de micro e pequenas empresas, além da instalação de universidades, reconhecida como polo universitário; no setor de turismo - tendo o segundo maior Cristo Redentor do estado, o primeiro e o único Cristo do Brasil reconhecido como irmão do Cristo Redentor do Morro do Corcovado, no Rio de Janeiro, além do grande potencial no distrito de Raposo, com suas águas medicinais comparadas às de Vichy, na França, e um forte movimento de turistas de todo o Brasil, com os serviços de hotéis, pousadas e comércio local;  setor agropecuário - chegando a ser a maior bacia leiteira do estado, entre outras qualidades que fortalecem o município e faz com que aumente ainda mais a necessidade da região possuir o planejamento viário, possibilitando transformar a cidade  num grande centro logístico no interior do estado do Rio, considerando sua posição geográfica e no sistema viário federal e estadual.
 
Durante a recente  visita do ministro Tarcísio Freitas, ao município de São José da Barra, para o lançamento da Pedra Fundamental da Usina Termelétrica do Porto do Açu, a obra da Estrada do Contorno foi novamente citada, onde o ministro confirma estar “debruçado na nova licitação da BR 101 que também contempla obras na BR 356, como a duplicação de Campos para São João da Barra, assim como a obra do Contorno de Campos e de Itaperuna”.
 
 
Na foto, Murillo Gouvêa, diretor geral do DNIT, Antônio Leite Santos Filho e o deputado federal, Hugo Leal (PSD-RJ).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp