23/11/2019 às 09h47min - Atualizada em 23/11/2019 às 09h47min

Novembro de 2019 já supera volume de chuva do mesmo período de 2018

Em caso de emergência, o telefone da Defesa Civil é (22) 98175-2512.

Supcom
Arquivo / Supcom
Nos 22 dias de novembro, choveu em Campos 211,5 milímetros, de acordo com o pluviômetro instalado no Jardim Carioca, sendo que o previsto para o mês eram 130 mm. De acordo com a Coordenadoria da Defesa Civil Municipal, em apenas cinco dias, de domingo (17) a quinta-feira (21), choveu 123 mm, conforme medição no mesmo pluviômetro. Em 2018, choveu no mês de novembro todo, 139,6 mm.  Na Região do Imbé, a projeção é de que, nos últimos cinco dias, tenha chovido mais de 300 milímetros, devido ao grande volume de água que elevou o nível da Lagoa de Cima e dos rios da região, como o Rio Ururaí que, na tarde desta sexta-feira (22) atingiu a cota de 4,15m.

Entre segunda (18) e quarta-feira (20), choveu 62.6 mm em Baixa Grande na Baixada Campista; 55,2 mm em Morro do Coco; 158,8mm em Travessão; 123,4mm em Serrinha; e 87,4mm em Dores de Macabu. Uma enxurrada atingiu a localidade de Rio Preto nesta quarta-feira (20).  A Prefeitura de Campos, através de diversos órgãos que formam o Grupo de Emergências em Alagamentos, está desenvolvendo várias ações para minimizar os transtornos causados pelas fortes chuvas e em atendimento à população atingida.

"A água chegou a atingir quase 2 metros de altura em alguns pontos da localidade de Rio Preto. Conversando com moradores antigos da localidade, constatamos que esta foi a maior cheia de Rio Preto dos últimos 60 anos", disse o coordenador da Defesa Civil, major Edison Pessanha, acrescentando que, em caso de emergência, o telefone da Defesa Civil é (22) 98175-2512.

Nível dos rios Ururaí e Paraíba - O Rio Ururaí atingiu a cota de 4,15 metros, na última medição desta sexta-feira (22), sendo que a cota de transbordo é de 3,80m.  Na segunda-feira (18), o nível do Rio Ururaí estava com 3,20m. Já o nível do Rio Paraíba do Sul, registrado nesta sexta é de 5,78 metros.

A Prefeitura de Campos, através de diversos órgãos, continua prestando assistência a famílias atingidas pelas fortes chuvas dos últimos dias. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social  (SMDHS) está monitorando e garantindo apoio às famílias em situação de isolamento. Na tarde desta sexta-feira (22), uma equipe da secretaria voltou a Rio Preto, no distrito de Morangaba, para oferecer colchonetes, cobertores e cestas básicas.

Prejuízos com a enxurrada - Com a intensa chuva dos últimos dias, a situação mais grave foi o rompimento de um trecho da RJ-190, estrada de acesso à localidade de Rio Preto, no distrito de Morangaba, por Itereré.  Através de uma vistoria da coordenadoria de Defesa Civil na quinta-feira (21), foi identificado rompimento de cerca de 25 metros da rodovia, uma das estradas de acesso à localidade. O fato ocorreu devido à pressão das águas das chuvas que elevaram o nível do rio, ocasionando o rompimento da estrada. A orientação da Defesa Civil é o acesso a Rio Preto através da estrada de Santa Cruz.

Com a enxurrada, outros prejuízos também foram registrados, como na Ponte do Marimbondo, que cedeu com o volume de água e a vegetação, que ficou presa nos pilares, e a Ponte sobre o Rio Berrador, deixando famílias isoladas em comunidades na região do Imbé.  Em Lagoa de Cima, famílias também foram atingidas e ações também estão programadas para este final de semana. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp