13/03/2023 às 16h19min - Atualizada em 15/03/2023 às 00h01min

11a edição da Mostra de Tiradentes |SP chega ao CineSesc _ filmes inéditos na capital paulista

De 23 a 29 de março de 2023, evento exibe 27 filmes em pré-estreia, promove 15 bate-papos após as sessões com a presença dos cineastas e realiza o tradicional debate Cinema da Vela com a temática Cinema Mutirão.

SALA DA NOTÍCIA ATTi Comunicação

Neste mês, a MOSTRA TIRADENTES|SP volta a ocupar o Cinesesc em São Paulo. De 23 a 29 de março, o público da capital paulista poderá conferir a exibição de 27 filmes, a maioria inéditos em São Paulo, e que fizeram parte da programação da 26ª Mostra de Cinema de Tiradentes, realizada em janeiro. A 11ª Mostra Tiradentes | SP será norteada pela temática “Cinema Mutirão”, abordada na edição mineira, dando sequência e ampliando a reflexão com discussões e novas perspectivas.
 
“A força do cinema brasileiro contemporâneo pode ser conhecida nas edições anuais da Mostra Tiradentes|SP que, em 2023, celebra 11 anos na capital paulista com o propósito de ampliar novos olhares, vozes e exibir um panorama múltiplo da produção audiovisual no Brasil. Todas as sessões ganham debates após a exibição dos filmes com a presença de realizadores, provocando reflexão sobre as imagens e histórias do cinema como resposta ao seu tempo histórico. Graças à parceria com o Sesc São Paulo, o cinema brasileiro ganha mais espaço e dimensão na cidade, e o público, a oportunidade de conhecer filmes que muitas vezes não chegam ao circuito comercial”, destaca Raquel Hallak, Diretora da Universo Produção e Coordenadora Geral da Mostra Tiradentes|SP
 
FILMES E DEBATES
Com 11 longas e 16 curtas, a MOSTRA TIRADENTES – SP traz um recorte pungente da 26ª Mostra Tiradentes, que exibiu 134 produções, e levou um público estimado de 35 mil pessoas para a cidade mineira e atingindo mais de 250 mil acessos na plataforma do evento. Entre os destaque da edição paulistana estão os seis premiados: As Linhas da Minha Mão (Melhor Longa da Mostra Aurora), de João Dumans, que será exibido na abertura do evento, no dia 23, às 20h; O Canto das Amapolas (Prêmio Carlos Reichenbach - Mostra Olhos Livres), de Paula Gaitán;  Remendo, de Roger Ghil (Melhor Curta Mostra Foco e Prêmio Canal Brasil); Cervejas no Escuro (Prêmio Helena Ignez para a atriz Edna Maria), de Thiago A. Neves; A Filha do Palhaço (Melhor Longa Júri Popular), de Pedro Diogenes; e Nossa Mãe Era Atriz  (Melhor Curta Júri Popular), de André Novais Oliveira e Renato Novaes.
 
Documentário experimental, As Linhas da Minha Mão foi rodado em 2021 com baixíssimo orçamento. O longa é o resultado do encontro entre o diretor João Dumans e a atriz Viviane Ferreira, autora do livro "Casa Breve: Uma Atriz Louca em Três Atos", que, além de protagonista, assina o roteiro ao lado de Dumans. Após a sessão de abertura, Viviane participa de bate-papo com o público junto ao ator Leandro Acácio e com mediação do curador Francis Vogner dos Reis.
 
Marcada pela diversidade, a seleção da Mostra combina novos talentos na direção cinematográfica com nomes já conhecidos de Tiradentes, como é caso de Helena Ignez, com A Alegria é a Prova dos Nove, filme que conta com o veterano Ney Matogrosso no elenco e que teve sua premiére em arrebatadora sessão em Tiradentes; e Leonel Costa, com seu novo trabalho, Alegorias, longa com uma história bem brasileira que também teve emocionante estreia na cidade mineira. Dentre os estreantes, destacam-se nomes com estreita relação com o teatro, caso de João Maia Peixoto, com seu inventivo Xamã Punk; e Márcio Abreu, com Febre, que conta com o ator Paulo André, do Grupo Galpão, no elenco.
 
Programada especialmente para a 11ª Mostra Tiradentes | SP, a Mostra Vertentes de curtas reúne quatro filmes marcados pelo fazer cinematográfico como ação social, histórica e política, ou com intenções mais diretamente atentas a esses aspectos das vidas real e ficcional de diferentes personagens. São documentários produzidos em São Paulo que demonstram a força do cinema contemporâneo paulista: Arrimo, de Rogério Borges; Através da Cidade Invisível, de Paulo Grangeiro; Onde a Gente se Encontra, de Talita Virgínia; e O que nos Espera, de Bruno Xavier e Chico Bahia, este último sobre  Padre Júlio Lancellotti.
 
Além da exibição de curtas e longas, a Mostra contará também com bate-papos com a presença de diretores após as sessões, garantindo maior interatividade com o público. Ao todo, serão 15 debates com realizadores, e um encontro especial: o tradicional debate Cinema da Vela, com o tema Cinema Mutirão: Laboratórios e Cinema de Grupo de São Paulo. Em pauta, o cinema paulista contemporâneo e sua relação com os processos de criação coletiva de outras artes e modos de vida. Os debatedores serão os cineastas Helena Ignez, Leonel Costa e Filipe dos Santos Barrocas e a mediação fica a cargo do crítico de cinema João Paulo Campos.
 
FORUM DE TIRADENTES E LANÇAMENTO DE LIVROS
Numa iniciativa inédita, a Mostra Tiradentes promoveu na edição mineira, o Fórum de Tiradentes - Encontros pelo Audiovisual Brasileiro que reuniu mais de 70 atores de diversos segmentos do audiovisual brasileiro para o diagnóstico dos pontos críticos da atividade e a construção de balizadores para a formulação de novas políticas públicas com um entendimento sistêmico da cadeia produtiva do audiovisual. Os encontros foram pautados pela busca de diretrizes que abarcassem a democracia, diversidade, descentralização, desenvolvimento econômico e social e governança.
 
O trabalho coletivo e as colaborações dos GTs resultaram num conjunto de diretrizes e recomendações que a Universo Produção decidiu reunir numa publicação para entrega oficial  aos órgãos competentes dos poderes judiciário, legislativo e executivo nas esferas federal, estadual e municipal, entidades de classe, instituições de ensino, de guarda, financeiras, empresas, imprensa, profissionais do setor, além de distribuição ampla, irrestrita e gratuita para o público em geral por meio digital e disponibilizada na plataforma do evento - mostratiradentes.com.br
 
A 11a Mostra Tiradentes |SP irá sediar o lançamento desta publicação "Fórum de Tiradentes - Encontros pelo Audiovisual Brasileiro” com participação de profissionais do setor audiovisual e entidades de classe no dia 27 de março, segunda-feira, em horário e local em definição.
 
Além desta publicação será lançado também outra publicação idealizada, organizada e distribuída pela Universo Produção - o livro "Mostra Aurora - 2008 - 2023"que reúne a trajetória de 16 edições da Mostra Aurora - um recorte da programação que se tornou referência de aposta em diretores estreantes que passaram a ter espaço na cena audiovisual brasileira e no circuito de festivais internacionais. Filmes que se destacam pelo seu tempo, fortes na relação com seu tempo, pelo que mostram, por como mostram. O cinema brasileiro feito hoje no Brasil. A Mostra Aurora apresenta anualmente o cinema de vanguarda que mudou, revelou, transformou a cara do cinema brasileiro contemporâneo – uma inovação na programação da Mostra de Cinema de Tiradentes, um percurso instigante de descobertas e talentos.
PROGRAMAÇÃO COMPLETA
 
Abaixo, a programação completa da 11ª Mostra Tiradentes | SP e para mais informações sobre os filmes, acesse https://mostratiradentessp.com.br/

Link para fotos
https://www.flickr.com/photos/universoproducao/
 
Acompanhe o programa Cinema Sem Fronteiras 2023.
Participe da Campanha #EufaçoaMostra
Na Web: mostratiradentessp.com.br
No Instagram: @universoproducao No Youtube: Universo Produção
No Twitter: @universoprod No Facebook: mostratiradentes / universoproducao
No LinkedIn: universo-produção
  
SOBRE A MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES
 
A Mostra de Cinema de Tiradentes nasceu para ser a grande aliada do cinema brasileiro e acontece em edições anuais, desde 1998, em janeiro, na cidade de Tiradentes e, desde 2012, realiza um recorte da programação em São Paulo. Consolidou-se como o maior evento dedicado ao cinema brasileiro contemporâneo em formação, reflexão, exibição e difusão no país. Apresenta, exibe e debate, em edições anuais, o que há de mais inovador e promissor na produção audiovisual brasileira, em  mais de 120 filmes em pré-estreias e mostras temáticas de longas e curtas.
Além da exibição de filmes, presta homenagens a personalidades do audiovisual, realiza programa de formação –oficinas, labs e masterclasses, promove seminário, debates,a série Encontros com os Filmes, diálogos audiovisuais, Mostrinha de Cinema, lançamento de livros, exposições, cortejo, performances e atrações artísticas.
 
SERVIÇO
 
11ª MOSTRA TIRADENTES  | SP -  23 a 29 de março de 2023
Local: Cinesesc - Rua Augusta, 2075, Cerqueira César
Ingressos: R$24 (inteira)   R$12 (meia) e R$8 (trabalhadores do comércio)
Realização: Universo Produção e CineSesc
 
Assessoria de Imprensa - Mostra Tiradentes | SP
Universo Produção | (31) 3282.2366/ 9 9534-6310 – Laura Tupynambá | [email protected]
Atti  Comunicação
Eliz Ferreira – (11) 991102442 – [email protected]
Valéria Blanco – (11) 991050441 – [email protected]
 
PROGRAMAÇÃO - 11ª MOSTRA TIRADENTES | SP
 
23 DE MARÇO | QUINTA | ABERTURA OFICIAL
  
20h – LONGA – MOSTRA AURORA
 
AS LINHAS DA MINHA MÃO
Experimental, Cor, DCP, 80min, MG, 2023
 
Direção: João Dumans
Empresa Produtora: Katásia Filmes
Empresa Distribuidora: Embaúba Filmes
Elenco: Viviane de Cassia Ferreira, Leandro Acácio, Douglas Klinger, Wallison Antônio Pereira, Kelly Dia Nathaly
 
Por meio de uma série de encontros imprevisíveis, uma atriz fala sobre a sua experiência com a arte e a loucura. Dividido em sete atos, o filme é ao mesmo tempo o retrato de uma mulher e um estudo sobre as possibilidades desse retrato.
 
* Após a sessão, bate-papo com a presença da equipe e mediação do curador Francis Vogner dos Reis
 
Classificação etária: 14 anos
 
*Longa vencedor da Mostra Aurora
  
24 DE MARÇO | SEXTA
  
17h – CURTAS | MOSTRA FOCO – Série 1
 
KENZO OU O TRIUNFO DA AUTODESINTEGRAÇÃO,
Experimental, Cor, DCP, 15min, CE, 2022
 
Direção, Roteiro e Montagem: Pedrokas
Empresa Produtora: Mar de Fogueirinha
 
Uma colagem-experimentação-verborragia sobre o prazer e o fracasso.
 
PEDRA POLIDA
Ficção, Cor, DCP, 20min, PB, 2022
 
Direção e Roteiro: Danny Barbosa
 
Safira é uma mulher trans da periferia, que rompendo os paradigmas sociais atua na área da saúde como técnica de enfermagem e almeja ascender a partir de uma graduação. Na sua rotina de trabalho depara-se com o passado na figura de um ex-namorado que a abandonou e, ironicamente, anos depois, busca ajuda no hospital em que ela trabalha. Passado e presente agem polindo essa pedra.
  
SOLMATALUA
Documentário, Cor, DCP, 15min, SC/RJ/SP, 2022
 
Direção, Roteiro e Montagem: Rodrigo Ribeiro-Andrade
Empresa Produtora: Gata Maior Filmes
 
Em uma onírica odisseia afro-diaspórica, paisagens e vielas encontram-se nas encruzilhadas do tempo. O filme percorre um vertiginoso itinerário por territórios ancestrais e contemporâneos, realizando uma mística viagem que resgata memórias e busca possíveis futuros.
 
 REMENDO*
Ficção, Cor, DCP, 20min, ES, 2019
 
Direção, Roteiro e Montagem: Roger Ghil (GG)
Empresa Produtora: Casa Ghil Produções
 
Zé carrega um fardo. Por que você insiste em remendar esse monte de coisa que não tem mais jeito?
 
 * Eleito melhor curta da  Mostra Foco pelo Júri Oficial da 26ª Mostra de Cinema de Tiradentes e vencedor do Prêmio Canal Brasil de Curtas
 
 ** Após a sessão, bate-papo com a presença dos diretores e mediação da curadora Tatiana Carvalho Costa
 
Classificação indicativa: 12 anos
  
19h – LONGA – MOSTRA AURORA
  
VERMELHO BRUTO
Experimental, Cor, DCP, 205min, DF, 2022
 
Direção: Amanda Devulsky
Empresa Produtora: Casadearroz
Elenco: Alessa, Eunice, Fabiana e Jo
 
Quatro mulheres tornam-se mães durante a adolescência, na década após o início  do período chamado redemocratização brasileira (1985-1995). É 2018 e, em Brasília, os seus arquivos domésticos misturam-se enquanto elas concebem novas imagens.
 
* Após a sessão, bate-papo com a presença da equipe e mediação da curadora Mariana Queen Nwabasili
 
Classificação indicativa: 12 anos
  
25 DE MARÇO | SÁBADO
  
15h30 – CURTAS | MOSTRA FOCO – Série 2
 
PÉS QUE SANGRAM
Ficção, Cor, DCP, 14min, PR, 2022
 
Direção e Roteiro: Roberta Takamatsu
Empresa Produtora: Filmes com Saquê
 
As irmãs Clara e Aurora percorrem fotos de família em busca de respostas sobre sua mãe. Um cão observa e acompanha tudo de perto, antecipando os tremores de terra e as tentativas de apagamento. São as coisas estranhas que ocorrem no verão...
  
O ÚLTIMO ROCK
Ficção, Cor, DCP, 24min, ES, 2022
 
Direção e Roteiro: Catapreta
Empresa Produtora: Ventania
 
Um grupo de jovens negros se reúne para uma festa antes de ficarem em lockdown por causa da covid-19. Eles conversam sobre música, artes, trabalho e o futuro incerto, sem saberem quando poderão se encontrar novamente.
  
LABIRINTO
Experimental, Cor, DCP, 15min, SP, 2022
 
Direção: Filipe dos Santos Barrocas, Isadora Maria Torres, Léo Bortolin, Lucas Eskinazi e Yuji Kodato
 
Vilar D’ouro, Trás-os-Montes, 1602. Martim Soares Moreno vê o sol brilhar a sua terra. Talvez seja a última vez. Logo embarcará rumo ao novo mundo. Os Monstros Marítimos, também chamados de História, o transportam para o futuro. Ouvindo palavras como independência e república, ouvindo sotaques e descobrindo tudo o que seus pares fizeram, perde a cabeça.
 
FEBRE
Ficção, Cor, DCP, 24min, MG, 2022
 
Direção: Nay Mendl, Rosa Caldeira, Stheffany Fernanda e Vita Pereira
Empresas Produtoras: Alicate, Grupo Galpão
 
Às voltas com “o fim” de uma época, duas pessoas resolvem sair às ruas para respirar, andar, observar, duvidar e, se possível, antever horizontes. Interpretado por três duplas distintas de atores que se revezam ao longo da obra, o casal do filme deseja viver as últimas horas dos últimos dias de um mundo até então conhecido, ao mesmo tempo que inaugura diferentes camadas temporais que se alternam entre a realidade e o delírio.
  
** Após a sessão, bate-papo com a presença dos diretores e mediação da curadora Tatiana Carvalho Costa
 
Classificação indicativa: 14 anos
   
18h – LONGA – MOSTRA AURORA
 
CERVEJAS NO ESCURO
Experimental, Cor, DCP, 84min, PB, 2023
 
Direção: Tiago A. Neves
Empresa Produtora: Toco Filmes
Coprodução: Ágora Produções
Elenco: Edna Maria, Sandro Mandú, Hérica Antas Diniz, Erick Marinho, Rinaldo José e Fernando Teixeira
 
O luto pela morte do marido é também a oportunidade para Edna refazer o filme que foi a sua vida e encontrar por trás dessa aventura amizades e situações cujos enlaces costuram o passado histórico local à sua própria vida.
  
* Após a sessão, bate-papo com a presença da equipe e mediação do crítico de cinema João Paulo Campos
 
*Prêmio Helena Ignez de Destaque Feminino para a atriz Edna Maria
 
Classificação indicativa: 12 anos
  
20h30 – LONGA – MOSTRA AURORA
 
A VIDA SÃO DOIS DIAS
Ficção, Cor, DCP, 82min, RJ, 2022
 
Direção: Leonardo Mouramateus
Empresas Produtoras: Brasiliana Cinematográfica e Praia À Noite
Produtoras Associadas: Tá Boa Produções, Cajamanga, Bando Sonoro, Walla Collective
Elenco: Mauro Soares, Mariah Teixeira, Sara Hana, Jorge Polo, Helena Lessa, Tiago Malhas, Gabriel Domingues, Nuno Lucas, Joana Sousa, João Abreu, Eric Barbosa, Geane Albuquerque, Lucas Galvino, Igor Cavalcante, Milza Gama, João Gama.
 
A pacata rotina de Rómulo no Rio de Janeiro muda da noite para o dia quando um acidente dá início a uma onda de eventos absurdos. Longe dali, Orlando, seu irmão gêmeo e negociante de obras raras, tenta comprar o livro de uma estudante brasileira com problemas financeiros. A vida dos gêmeos entrará em rota de colisão graças à chegada de um misterioso manuscrito.
 
 * Após a sessão, bate-papo com a presença da equipe e mediação da curadora Tatiana Carvalho Costa
 
Classificação indicativa: 14 anos
  
26 DE MARÇO | DOMINGO
 
14h – CURTAS | MOSTRA FOCO – Série 3
  
OS ANIMAIS MAIS FOFOS E ENGRAÇADOS DO MUNDO
Ficção, Cor, DCP, 24min, SP, 2023
 
Direção e Montagem: Renato Sircilli
Empresa Produtora: Lacuna Filmes
 
Jorge tem 70 anos e é um dos faxineiros mais caprichosos e dedicados do Motel Paradise, com um único detalhe: ele grava escondido os áudios dos frequentadores das suítes. Vender esses áudios para outros homens lhe garante uma renda extra, mas também afeto. Junto há mais de um ano e meio de Alberto, Jorge não se lembra mais como é o som de seu próprio prazer.
  
LALABIS
Ficção, Cor, DCP, 24min, CE, 2022
 
Direção, Roteiro e Produção Executiva: Noá Bonoba
Empresa Produtora: Lambeolhos
 
Quando Kali acordou, o mundo inteiro estava paralisado. Sua mãe e seu pai paralisaram tomando café da manhã. Seu irmão paralisou jogando Mario Kart. Ela nunca entendeu o porquê de nada ter acontecido com ela, até conhecer o segredo de Numi e o reino das Lalabis.
  
PROMESSA DE UM AMOR SELVAGEM
Ficção, Cor, DCP, 23min, SP, 2022
 
Direção, Roteiro e Produção Executiva: Davi Mello
Empresa Produtora: Mise en Filmes
 
Ao entrar de penetra em uma festa, um jovem rapaz descobre que essa será a sua última noite.
 
 ** Após a sessão, bate-papo com a presença dos diretores e mediação da curadora Tatiana Carvalho Costa
 
Classificação indicativa: 16 anos
  
16h – LONGA – MOSTRA VERTENTES
 
A ALEGRIA É A PROVA DOS NOVE
Ficção, Cor, DCP, 116min, SP, 2022
 
Direção: Helena Ignez
Empresa Produtora e Distribuidora: Mercúrio Produções
Elenco: Ney Matogrosso, Amjad Milhem, André Guerreiro Lopes, Arthur Alves dos Santos, Barbara Vida, Dan Nakagawa, Danielly O. M. M, Djin Sganzerla, Fernanda D’Umbra, Fransérgio Araújo, Guilherme Gagliardi, Guilherme Leme, Helena Ignez, Jesus Cubano, Judite Santos, Julia Katarine, Lea Arafah, Mário Bortolotto, Michele Matalon, Negro Leo, Nill Marcondes, Rafael Rudolf, Samuel Kavalerski, Thaís de Almeida Prado, Vera Valdez
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalaurora.com.br/.
Jornal Aurora Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp