21/11/2021 às 09h54min - Atualizada em 21/11/2021 às 09h54min

São João da Barra participa da Ópera Mundial da Ciência

- Redação

Alunos da rede municipal de São João da Barra foram destaque na edição 2021 da Ópera Mundial da Ciência — Global Science Opera (GSO). Eles apresentaram neste sábado, 20, em forma de coral, com transmissão no Youtube e tradução para o inglês, a poesia "A luz", de Rulyane da Silva de Almeida, do 9º ano do Centro Municipal de Educação Avançada (Cmea) de Mato Escuro, que fala sobre a interferência negativa da iluminação artificial na natureza.

São João da Barra foi um dos dois municípios brasileiros selecionados para participar do projeto, coordenado pelo professor Oded Ben-Horin, da Universidade de Ciências Aplicadas da Noruega Ocidental, e que tem como tema esse ano "Florescer – Restauração do Ecossistema (Thrive – Ecosystem Restoration)". O outro foi Santa Maria Madalena, também no Estado do Rio de Janeiro.

A poesia da estudante foi escolhida em um concurso promovido pelas secretarias municipais de Educação e Cultura e Meio Ambiente e Serviços Públicos para integrar o projeto. O Brasil foi o único país a apresentar o tópico científico "Como a poluição luminosa causada pelo homem afeta a natureza e os ecossistemas? O que acontece com os animais quando expostos à poluição luminosa?".

Durante a seleção dos trabalhos, o coordenador da Ópera Mundial da Ciência no Brasil, professor da Uenf Marcelo de Oliveira Souza, explicou que os dois municípios foram escolhidos foi pelo fato desenvolverem experiências que são exemplos para o mundo.

— Em São João da Barra a mudança na iluminação artificial do litoral visa proteger as tartarugas marinhas, que antes eram atraídas para a orla. Em Santa Maria Madalena, a proposta é transformar o Parque Estadual do Desengano no primeiro parque dark sky do Brasil. Também já está sendo organizado um intercâmbio entre os alunos dos municípios para conhecerem os dois locais — disse.

Participaram do coral os alunos Joana Ramos, Eduarda Almeida, Flávia Lopes, Amanda Freitas, Kayky Arruda, Laysa Azevedo, Dalmo Carlos, Maria Clara Pessanha Passos, José Thalyson Rodrigues, Heitor Caldas,  Arthur Machado, Janielle de Barros Ferreira, Ryliane da Silva Almeida. O trabalho contou ainda com o apoio dos professores Lilian Miranda (coordenação de Língua Inglesa), Aline Marcelino (coordenadora de Ciências), Daniele Ramos (coordenadora de Geografia) e Raquel Motta (coordenadora pedagógica).

Para a aluna Maria Clara Pessanha Passos, participar do projeto foi muito gratificante. "Essa foi uma experiência que vai ficar para o resto da vida. Nunca vou esquecer", contou.

O vídeo teve direção geral da atriz Ana Pavão, direção musical e arranjo da professora Milena Amaral e participação do pianista Vinicius Martins e da violoncelista Lenie Vieira. Imagens e edição do cinegrafista André França.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp