07/10/2021 às 10h34min - Atualizada em 07/10/2021 às 10h34min

Áudio: Jovem nega acusações feitas em mensagem de voz pelo motorista de Uber de Campos suspeito de oferecer líquido duvidoso para passageiros

Jornal Aurora - Redação
Edmara Andrade/Rafael Khenaifes Abud
Arquivo Pessoal da passageira/ Print fatura do cartão de crédito
Uma passageira procurou nossa equipe de redação do Jornal Aurora, e negou todas as acusações feitas no último áudio de Paulo Roberto, motorista de aplicativo suspeito de oferecer líquido duvidoso para jovens. Ela nos mandou um print que poderia ser uma prova do pagamento da corrida no cartão de crédito. 

SIGA-NOS NO INSTAGRAM: @redeauroraplay
 
De acordo com a jovem, ela precisa mostrar para que as pessoas vejam que o valor - de R$ 7,17 reais - foi consolidado. “Não nos pronunciamos mais porque estamos com medo de retaliações, estamos sendo atacadas, e também por recomendação da Delegacia de Atendimento à Mulher de Campos (DEAM)”, ressaltou preferindo não se identificar.
 
O motorista de Uber de Campos, Paulo Roberto, gravou um áudio revelando que sofreu prejuízos após repercussão da polêmica.
 
Ele segue negando as acusações e diz que as três passageiras estavam sobre efeito de álcool, além delas não quererem pagar a corrida. “O aplicativo do meu trabalho me tirou do ar. Estou tendo dificuldades para dormir”, disse.
 
Em um momento do áudio, Paulo, explica que vai processar um veículo de imprensa proferindo palavrão.
 
O suposto crime permanece sendo investigado na 134ª Delegacia do Centro.


ESCUTE O ÁUDIO ABAIXO CLICANDO NO PLAY!

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp