20/08/2021 às 14h03min - Atualizada em 20/08/2021 às 14h03min

Após denúncia no programa “De frente com Dadá” da atrasada vacinação contra covid, Prefeitura de São Francisco de Itabapoana reduz idade de 30 para 20 anos no calendário de imunização

Jornal Aurora - Redação
Rafael Khenaifes Abud
Jornal Aurora
Na noite desta quinta-feira (19), o programa “De frente com Dadá”, apresentado por Marciano da Hora, denunciou o caos na saúde pública no município de São Francisco de Itabapoana. O espaço contou com a participação do Jornalista Rafael Khenaifes Abud e do Hércules, pai do Isaac e marido da Isabela, agredida por servidores no Hospital Manoel Carola. Outros assuntos envolvendo o atendimento na unidade hospitalar da cidade foram expostos durante o programa.

Além disso, o apresentador apontou que a vacinação no combate ao coronavírus de São Francisco estava atrasada em comparação as outras cidades. Após a denúncia de Dadá, a vacinação que estava para pessoas de 30 anos rapidamente foi reduzida a idade de 20 anos.

A Prefeitura de SFI manifestou-se sobre a vacinação no seu site.

Após alcançar a marca de mais de 70% da população adulta vacinada com ao menos uma dose, São Francisco de Itabapoana (SFI) inicia a vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19) em moradores a partir de 20 anos.

Além do atendimento no Centro Municipal de Imunização (CMI) pelo telefone (22) 99779-6044, a população pode comparecer no polo mais próximo de sua residência para realizar o agendamento: Clínica da Família Germano Barros Delgado, na área central, e Estratégia Saúde da Família (ESF) de Barra do Itabapoana, Travessão de Barra, Bom Lugar, Praça João Pessoa, Guaxindiba, Gargaú, Imburi e Floresta. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, entre 8h e 16h30.

Para o secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, a vacinação avançada vem propiciando reflexos positivos nos índices de internação no Hospital Municipal Manoel Carola. “Atualmente estamos com apenas três pacientes internados, sendo que já chegamos a registrar 28 internações ao mesmo tempo. Desta forma, é evidente a eficiência da vacina”, pontuou.

Campista destacou o sucesso do mutirão do último sábado (14), quando 994 pessoas receberam a primeira dose ou dose única do imunizante. Paralelamente, com a disponibilidade de doses em estoque no CMI, a prefeita Francimara Barbosa Lemos autorizou que a Secretaria Municipal de Saúde iniciasse o agendamento e a aplicação em uma nova faixa etária.
 
Revelando-se feliz com a inclusão de um novo público, a prefeita ressaltou que, até o momento, o processo de imunização não registrou nenhum incidente. “Com muita responsabilidade, estamos conduzindo os trabalhos desde o início, evitando que nossos munícipes passem por situações desagradáveis”, afirmou.

Francimara também fez um apelo à população para que não deixe de comparecer para receber a segunda dose da vacina, único meio comprovado pela ciência para controle efetivo da pandemia.

- ENTENDA O ATRASO DAS VACINAS DE COVID-19, EM SÃO FRANCISCO DO ITABAPOANA 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp