14/08/2021 às 16h17min - Atualizada em 14/08/2021 às 16h17min

Morre o promotor de justiça Marcelo Lessa em Campos

Rafael Khenaifes Abud
Morreu neste sábado (14), no Hospital Doutor Beda em Campos, o promotor de Justiça Marcelo Lessa. Ele estava internado na unidade de saúde desde da última noite de quarta-feira (4) e precisou ser intubado. De acordo com a família, ele sofreu complicações de saúde após um choque séptico e não resistiu.


Parentes explicaram o momento da internação. " O promotor não se sentiu bem quando ministrava uma aula de um curso de direito e foi levado para o hospital. Na unidade de saúde sendo constatado insuficiência respiratória aguda, Marcelo, teve uma parada cardíaca que foi revertida", disse um familiar.

O exame de tomografia apontou um quadro de cerca de 80 a 90% de comprometimento dos pulmões e o seu estado de saúde era considerado grave. Ele havia tomado a primeira dose do imunizante.

Em nota, a Subsecretaria de Atenção Básica, Vigilância e Promoção da Saúde (SUBPAV) informou que " o promotor de Justiça Marcelo Lessa não tomou as duas doses da vacina. A Subsecretaria esclarece que promotor estava aguardando o prazo de 10 semanas para completar o ciclo vacinal, o que ocorreria ainda em agosto. Vale lembrar que essa estratégia de antecipar a segunda dose vem sendo adotada pela SUBPAV desde 24/04. A Subsecretaria alerta para que todos tenham as duas doses da vacina em dia para atingir maior eficácia", afirmou a nota.

Há pouco tempo, Lessa perdeu a sua mãe Vera Lúcia Lessa de Lima, de 70 anos, em decorrência da Covid-19. Ele era doutor em Direito pela Universidade Gama Filho, atuava como professor de Processo Penal do Centro Universitário Fluminense (Uniflu), além de ter sido promotor de Justiça no Estado do Rio de Janeiro.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp