21/06/2021 às 11h25min - Atualizada em 21/06/2021 às 11h25min

Campos: Pacientes acamados recebem cuidados especiais em casa

O Serviço de Assistência Domiciliar (SAD), que funciona na sede da Secretaria de Saúde, totalizou nos primeiros quatro meses deste ano, 324 pacientes assistidos pelo serviço. A diretora do SAD, Helen Espírito Santo, disse que a procura pelo serviço em 2021 tem aumentado bastante, embora não seja possível fazer um comparativo do número de pacientes cadastrados no mesmo período de 2020 em relação a este ano. “Quando assumimos, não encontramos nenhum registro. Estamos fazendo esse levantamento agora”, explicou.
 
Segundo Helen, o foco do SAD é prestar uma assistência humanizada, garantindo a continuidade dos cuidados à saúde, após o paciente passar um período internado e receber alta hospitalar orientada. Ela ressaltou que o perfil do serviço não é o de cuidador, mas sim promover a desospitalização e readaptação domiciliar de pacientes que necessitam dos cuidados de enfermagem, como por exemplo, um curativo com certo grau de complexidade, manuseio de sonda para alimentação, aspiração e traqueostomia, bolsa de colostomia, entre outros. 
 
“Atendemos pacientes que não têm condições de se locomover de suas casas até um ambulatório. Temos uma equipe de profissionais especializada nos atendimentos de alta, média e baixa complexidade, como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, assistentes sociais, psicólogos, nutricionistas e técnicos de enfermagem”. 
 
A diretora explicou ainda que, quando o paciente está com alta hospitalar programada, ele precisa ter um laudo médico comprovando a necessidade do atendimento domiciliar, bem como a prescrição das medicações, insumos, equipamentos e mobiliários que serão necessários para análise da elegibilidade. “Feito isso, a família pode vir ao SAD para que nossa equipe faça uma avaliação multidisciplinar". 
 
Além do laudo médico, a família deve apresentar documento de identidade, CPF e comprovante de residência. “Após o cadastro do paciente pelas assistentes sociais do programa, é entregue um formulário à família para o preenchimento pelo médico assistente. Depois de preenchido, esse formulário deve retornar ao SAD”, afirmou Helen, destacando que os pacientes atendidos pelo SAD já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19, sendo que a equipe já está adequadamente vacinada. “Estamos nos preparando agora para aplicação da segunda dose dos pacientes acamados", acrescentou. A Secretaria de Saúde fica na Rua Voluntários da Pátria, nº 875, Centro, e funciona das 8h às 17h.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp