01/05/2024 às 11h33min - Atualizada em 01/05/2024 às 11h33min

Dia do Trabalhador com vacinação na Secretaria de Saúde e Clínica da Criança

Atendimento será das 8h às 17h para aplicação das vacinas do calendário de rotina, da gripe e também Covid-19 infantil

- Redação
PMCG
Foto: Reprodução
Em Campos, o Dia do Trabalhador, celebrado nesta quarta-feira (1º), também é dia de vacinação. Na sede da Secretaria Municipal de Saúde, área central da cidade, e na Clínica da Criança, no subdistrito de Guarus, das 8h às 17h, será possível tomar as vacinas do calendário de rotina; da gripe e também Covid-19 infantil.

Para as crianças acima de 2 meses de vida, estão disponíveis os seguintes imunizantes: Vacina Inativada contra Poliomielite (VIP), Vacina Oral contra Poliomielite (VOP), Tríplice Viral, Hepatite B, Pentavalente, Rotavírus, Pneumo 10, Meningo C, Febre Amarela e DTP.

Para os adolescentes, os imunizantes são: Hepatite B, Febre Amarela, Tríplice Viral, Difteria e Tétano Adulto e Meningocócica ACWY. Já para os adultos, DT, Hepatite B, Febre Amarela e Tríplice Viral, além de dTPA.

Para imunização contra a Covid-19 está sendo aplicada a Pfizer Baby para as crianças de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias. O esquema primário é composto pela primeira dose aos seis meses de idade, a segunda dose aos sete meses e a terceira dose aos nove meses para quem vai iniciar a vacinação.

As crianças de 5 a 11 anos recebem a vacina Pfizer Pediátrica. Já a Coronavac pode ser aplicada para crianças acima de 3 anos. Ambas são aplicadas duas doses do esquema primário, com intervalo de 30 dias, entre uma dose e outra. Para aquelas que estão com o esquema primário incompleto ou com dose atrasada, deve-se respeitar o intervalo de quatro semanas entre a 1ª e a 2ª dose.

Contra a gripe, devem receber a vacina Influenza as pessoas com 60 anos ou mais; crianças de 6 meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias; povos indígenas; gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto); pessoas com deficiência permanente (PcDs); professores do ensino básico e superior; profissionais das forças de segurança e salvamento e profissionais das forças armadas; trabalhadores da saúde; pessoas em situação de rua; funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade; além de adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas (entre 12 e 21 anos); trabalhadores do transporte rodoviário coletivo para passageiros urbano e de longo curso; caminhoneiros; trabalhadores portuários; pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

DOCUMENTO ROTINA - É necessário documento com foto, CPF ou cartão do SUS e a caderneta de vacinação, no caso das crianças e adolescentes.

DOCUMENTO COVID-19 - É necessário documento com foto, CPF ou cartão do SUS e Cartão de Vacina Covid-19 para quem já iniciou o esquema vacinal. Para os imunocomprometidos é obrigatório o laudo médico ou outro documento que comprove a condição.

DOCUMENTAÇÃO GRIPE - Para receber a vacina é necessário apresentar RG, CPF ou cartão do SUS, comprovante de residência e caderneta de vacina para aqueles que têm. Crianças e adultos com comorbidades e deficiências, além dos documentos pessoais, devem apresentar laudo médico ou outro documento que comprove sua condição.

No caso das gestantes, deve-se levar documentos pessoais e o cartão pré-natal. Já as puérperas, a certidão de nascimento do bebê, cartão da gestante ou documento do hospital onde ocorreu o parto.

Demais categorias profissionais devem apresentar RG, CPF, comprovante de residência e documento comprobatório do exercício da função.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalaurora.com.br/.
Jornal Aurora Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp